Suco Verde Detox – Receita Prática

detox-juice

Não sou uma junk food addict e apesar de também estar longe do tipo “geração saúde” acho que é sempre válido tentar incorporar hábitos saudáveis. Atualmente há uma onda muito forte nas redes sociais, como Facebook e instagram e na internet de uma forma geral, de pessoas que propagam a vida saudável, a prática de atividades, que dão dicas de receitas funcionais e de produtos que podem contribuir para nossa saúde.

Algumas práticas alimentares que vejo por aí me parecem meio absurdas e quase impossíveis de adotar, outras acho bem legais, e entre as que me conquistaram está o suco verde detox.

Quando tento adotar uma prática saudável, logo penso na praticidade, em algo que seja de fácil preparo e que não se deixe abalar pela preguiça matinal. Desta forma desenvolvi uma receitinha que deixo pronta no congelador e que é a prova de qualquer desculpa esfarrapada.

Ingredientes:

5 folhas de couve manteiga (grandes)

1 maço de espinafre (pequeno)

1 pires de folhas de manjericão

1 pedaço de aprox. 50 gramas de gengibre

1,2L de água

Preparo:

Corte em pedaços pequenos todos os ingredientes, (geralmente descarto o talo central das folhas de couve) e coloque no liquidificador juntamente com a água. Se o copo do liquidificador não tiver capacidade suficiente, divida a receita  em duas porções. Bata bastante, depois distribua em recipientes individuais uma quantidade aproximada  de 120 ml, tampe e coloque no congelador. Esta mistura renderá cerca de 13 porções e fica bem concentrada.

Comprei em uma loja de artigos para cozinha, forminhas para gelatina que já vem com tampinhas e tem capacidade para 150 ml, mas em todo caso, você pode usar copinhos descartáveis e cobrir com filme plástico.

Na hora do consumo:

Tiro do congelador e bato com + ou – 300 ml de um liquido, de preferência um suco, que pode ser orgânico, do tipo longa vida ou feito na hora, (abacaxi é meu favorito) OU com uma fruta e um pouco de água, OU uma poupa de frutas, OU água de coco, OU simplesmente água e algumas gotinhas de limão. Enfim, é só usar a imaginação e são tantas as variações que não dá para enjoar. Geralmente não adoço mas, se você sentir necessidade, as melhores opções são os adoçantes naturais como a stevia, frutose ou mesmo um fio de mel.

Importante:

Por ser um alimento rico em ácido oxálico, o espinafre consumido cru pode agravar os casos de gota, artrite, reumatismo e problemas renais, mas como se trata de um alimento extremamente rico em nutrientes e propriedades desintoxicantes não deve ser deixado de lado. Para quem sofre de algum destes males, é recomendado aferventar as folhas de espinafre, escorrer e deixar secar, e só então preparar seu suco. Este processo eliminará quase todo o acido oxálico mas, preservará todas as outras propriedades do espinafre.

Esta foi a melhor maneira que encontrei de não desistir e adotar o suco detox no meu dia a dia, e quer que eu diga uma coisa? Tem gosto bom, faz a gente se sentir leve e sentir falta desta sensação no dia que não toma.

Espero ter ajudado.

Beijos.

@crisknuttz

 

Comentários via Facebook:

Deixe uma resposta